icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/07/2013
13:40

O Fluminense saiu de campo derrotado pelo Internacional, domingo, em Macaé, por 3 a 2. Mas Marcos Júnior tinha, ao menos, um motivo para comemorar. Depois de ficar fora da equipe desde o dia 30 de março e recuperar de dois estiramentos musculares (um na coxa esquerda e outro na direita), o atacante retornou ao time e conseguiu ter boa desenvoltura.

- Lamento a derrota para o Inter. Merecíamos ter saído ao menos com um empate pelo que produzimos no segundo tempo. Mas, apesar do resultado, fico feliz de ter voltado ao time depois de tanto tempo. Foram apenas 25 minutos em campo, mas muito importantes para mim. Eu me senti bem, sem medo de tentar as jogadas. Estava com saudade do calor do jogo - disse por intermédio de sua assessoria de imprensa.

Agora, o próximo desafio de Marcos Júnior é recobrar a confiança e o ritmo de jogo. O atacante faz planos de ir recuperando seu melhor condicionamento gradualmente.

- A confiança e o ritmo de jogo vêm com dia a dia, é natural. Estou preparado e fico aguardando novas oportunidades. Sempre que precisar, vou entrar e buscar dar o meu melhor. Foi dessa forma que ganhei a confiança dele (do técnico Abel Braga) e do grupo antes da lesão e espero contribuir novamente - afirmou.

O Fluminense saiu de campo derrotado pelo Internacional, domingo, em Macaé, por 3 a 2. Mas Marcos Júnior tinha, ao menos, um motivo para comemorar. Depois de ficar fora da equipe desde o dia 30 de março e recuperar de dois estiramentos musculares (um na coxa esquerda e outro na direita), o atacante retornou ao time e conseguiu ter boa desenvoltura.

- Lamento a derrota para o Inter. Merecíamos ter saído ao menos com um empate pelo que produzimos no segundo tempo. Mas, apesar do resultado, fico feliz de ter voltado ao time depois de tanto tempo. Foram apenas 25 minutos em campo, mas muito importantes para mim. Eu me senti bem, sem medo de tentar as jogadas. Estava com saudade do calor do jogo - disse por intermédio de sua assessoria de imprensa.

Agora, o próximo desafio de Marcos Júnior é recobrar a confiança e o ritmo de jogo. O atacante faz planos de ir recuperando seu melhor condicionamento gradualmente.

- A confiança e o ritmo de jogo vêm com dia a dia, é natural. Estou preparado e fico aguardando novas oportunidades. Sempre que precisar, vou entrar e buscar dar o meu melhor. Foi dessa forma que ganhei a confiança dele (do técnico Abel Braga) e do grupo antes da lesão e espero contribuir novamente - afirmou.