icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/11/2014
08:04

Com 82% de probabilidade de cair para a Série B – de acordo com o matemático Tristão Garcia –, poucos acreditam numa reviravolta do Botafogo na tabela do Campeonato Brasileiro. Na verdade, apenas os jogadores e o técnico Vagner Mancini ainda não jogaram a toalha. É assim, contra tudo e contra todos, que o Alvinegro recebe o Figueirense, nesta quarta-feira, às 19h30, em São Januário, para provar que milagres existem e iniciar a campanha que manterá o Glorioso na elite. A partida terá transmissão em tempo real pelo LANCE!Net.

Ouvindo e lendo em todos os cantos que a queda do Glorioso é certa, o meia-atacante Murilo garantiu que não se abala com essas palavras e que se fortalece ao ver que poucos acreditam no time do Botafogo.

– Não machuca, porque olhamos a tabela e vemos que temos chance de sair. Vemos muita gente dizendo que vamos jogar a Série B em 2015. Isso me fortalece. Nesta reta final, temos que tratar as coisas de forma diferente. Devemos esquecer as pessoas que querem passar coisas ruins para a gente – disse Murilo, em tom de desabafo.

Contratado durante o Brasileirão para ser uma opção no banco de reservas, mas que acabou se tornando titular absoluto em meio a tantas perdas no elenco, Murilo, de apenas 20 anos e com pouca experiência na carreira, trata de utilizar os percalços diários que passa no Botafogo para se tornar um jogador e uma pessoa mais forte:

– Individualmente, trato como um grande desafio. Se o Botafogo sair dessa situação, vai ser bom para todos – finalizou o jogador.