icons.title signature.placeholder Ivo Felipe
22/12/2013
17:38

Revelação da Metodista/São Bernardo, a central Deborah Hannah, que foi responsável pelo 21° gol brasileiro na final contra a Sérvia (Brasil 22 x 20 Sérvia), comentou a oportunidade de ser campeã mundial aos 20 anos

- Estou muito feliz. É um passo importante na minha vida. Tenho 20 anos e sou campeã do mundo. Não consigo descrever o ano maravilhoso que tive. Pude entrar, fazer gol, ajudar minha equipe. Meu coração está a mil. Eu não consigo descrever esse momento maravilhoso - comentou.

Diante de 19.500 barulhentos sérvios, as brasileiras dirigidas pelo dinamarquês Morten Soubak tiraram força para conseguir calar a Arena Belgrado. Triunfo que se deve, em muito, ao nórdico que dirige o time desde julho de 2009.

- Foi coração. Não foi tática e nem técnica. A vontade desse título falou mais alto. Vinte anos e sou campeã mundial - comemorou a atleta.