icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/07/2014
12:10

O São Paulo parecia estar pronto para enfrentar o Goiás neste domingo, mas a nova formação do time pode sofrer uma importante baixa. O zagueiro Antonio Carlos deixou o treino desta sexta-feira mais cedo acusando dores na panturrilha esquerda e passou a ser dúvida para o confronto no Serra Dourada. Os médicos do clube mostraram otimismo com a recuperação, enquanto Muricy Ramalho foi mais cauteloso.

- O Antonio veremos até o treino de amanhã (sábado) se ele terá condições ou não. Se não tiver, temos outras opções. Posso voltar o Rodrigo Caio para a zaga e entrar com outro volante ou colocar o Lucão. Ele é um garoto que tem treinado muito bem. O Rodrigo Caio está treinado para fazer as duas, mas coloquei no meio para dar mais proteção ao Ganso e ao Kaká. Ainda temos o Edson Silva também. - explicou o técnico são-paulino.

A atividade no CT da Barra Funda foi dividida em três partes. Primeiro os jogadores de linha foram divididos em três equipes, com o atacante Ewandro atuando como coringa, e fizeram trabalho de dois toques em campo reduzido. Antonio Carlos abandonou o treinamento nos últimos minutos da primeira parte. O zagueiro estava aberto pela direita quando levou a mão à panturrilha esquerda e chamou o preparador físico Zé Mário Campeiz. Depois, o médico José Sanchez foi chamado e acompanhou o beque até o Reffis.

Na segunda parte, os goleiros se juntaram ao grupo após preparação específica com o preparador Haroldo Lamounier, e o espaço para os atletas ficou maior. Os trabalhos foram encerrados com treino de finalizações e cruzamentos com metade do elenco, com destaque para os chutes precisos de Alan Kardec. Garantido para estrear no domingo, Kaká terminou o treinamento com alongamento e caminhada tranquila ao lado de Alexandre Pato.