icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/12/2013
12:18

Conhecido como carrasco do Flamengo, Assim, ídolo do Fluminense da década de 80, marcou o gol da vitória por 1 a 0 diante do rubro-negro e que deu o bicampeonato estadual do Tricolor carioca há exatos 29 anos, no dia 16 de dezembro de 1984, ano em que o Flu também conquistou o seu segundo título brasileiro.

Autor do gol que deu o título carioca para o Fluminense em 1983 nos acréscimo, Assis dedica gol como caminho importante para o tricampeonato tricolor.

- O gol de 83 me deu muita confiança porque depois nos valeu o primeiro título do tricampeonato. O jogo foi equilibrado e entrei em campo pensando em decidir também, convicto de que poderia repetir a façanha. Foi o maior time que eu joguei. O clube manteve o grupo e ainda trouxe o Romerito, que fortaleceu ainda mais. Nos entrosamos e fomos ganhando tudo - contou Assis ao site oficial do Fluminense.

E MAIS
> Planejamento do Flu pode sofrer alteração dependendo da divisão que jogar
> Portuguesa e Flamengo vão a julgamento no STJD por escalações irregulares

Contratado na época como a grande estrela do Flamengo, o goleiro argentino Fillol, campeão do mundo pela Argentina em 1978, não cumpriu com o que havia falado e nada pôde fazer para impedir o gol do bicampeonato marcado por Assis.

- O Fillol fez uma declaração infeliz. Na época, o treinador de goleiros, João Carlos Travassos, me passou que o argentino disse que se fosse ele não tomaria o gol que eu fizera no ano anterior. Ele quis me motivar e conseguiu. O goleiro virou profeta argentino. Era respeitado, titular da Seleção Argentina