icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/07/2013
12:03

De acordo com uma pesquisa encomendada pela BBC, a cada três cidadãos do Reino Unido, dois acreditam que os cerca de 9 bilhões de libras (cerca de R$ 31 bilhões) que foram gastos na Olimpíada de Londres valeram a pena (69% aprovaram). O principal argumento coletado é o de que as pessoas estão mais ativas após o evento.

O resultado aponta que 11% da população britânica está mais ativa após um ano da realização da Olimpíada. O número ainda cresce para 24% se restringimos para aqueles entre 18 e 24 anos.

Mas os elogios não param por aí. 32% dos entrevistados disseram que os Jogos tiveram um impacto positivo nas facilidades esportivas na região, enquanto 22% cravou que a economia local se desenvolveu com o evento.

E talvez a informação mais importante coletada foi a de que 21% confirmou que a Olimpíada fez com que os serviços públicos da região tivessem uma melhora. A má notícia é que daqueles que responderam positivamente aos gastos, a maior porcentagem vem do sudeste inglês, onde boa parte dos jogos foram sediados.

Por fim, a pesquisa indica que 74% da população gostaria de rever os Jogos Olímpicos na região. Será que após a Olimpíada de 2016 o Rio de Janeiro e o Brasil responderão de maneira tão positiva ao evento?

De acordo com uma pesquisa encomendada pela BBC, a cada três cidadãos do Reino Unido, dois acreditam que os cerca de 9 bilhões de libras (cerca de R$ 31 bilhões) que foram gastos na Olimpíada de Londres valeram a pena (69% aprovaram). O principal argumento coletado é o de que as pessoas estão mais ativas após o evento.

O resultado aponta que 11% da população britânica está mais ativa após um ano da realização da Olimpíada. O número ainda cresce para 24% se restringimos para aqueles entre 18 e 24 anos.

Mas os elogios não param por aí. 32% dos entrevistados disseram que os Jogos tiveram um impacto positivo nas facilidades esportivas na região, enquanto 22% cravou que a economia local se desenvolveu com o evento.

E talvez a informação mais importante coletada foi a de que 21% confirmou que a Olimpíada fez com que os serviços públicos da região tivessem uma melhora. A má notícia é que daqueles que responderam positivamente aos gastos, a maior porcentagem vem do sudeste inglês, onde boa parte dos jogos foram sediados.

Por fim, a pesquisa indica que 74% da população gostaria de rever os Jogos Olímpicos na região. Será que após a Olimpíada de 2016 o Rio de Janeiro e o Brasil responderão de maneira tão positiva ao evento?