icons.title signature.placeholder Walace Borges
24/07/2014
09:52

Pelo segundo dia consecutivo, o lateral-esquerdo André Santos não compareceu ao Ninho do Urubu para treinar. O jogador já retirou os pertences dele do centro de treinamento do Flamengo e aguarda o fim das negociações entre dirigentes e seus representantes para ter seu contrato rescindido.

O LANCE!Net apurou que Vanderlei Luxemburgo, anunciado na quarta-feira, como novo treinador rubro-negro, no lugar de Ney Franco, demitido no mesmo dia, teria manifestado o desejo de contar com André no elenco para o restante da temporada. Entretanto, o jogador não quer mais jogar pelo Flamengo depois que foi agredido por alguns torcedores em Porto Alegre, no último domingo, após a derrota por 4 a 0, no Beira Rio para o Internacional.

Na segunda-feira, um dia depois do episódio no Rio Grande do Sul, dirigentes e o lateral-esquerdo caíram em grande contradição. Enquanto o jogador emitiu nota através de sua assessoria de imprensa, afirmando que seu contrato havia sido rescindido, a diretoria desmentiu o jogador, afirmando que o caso teria de ser estudado com cautela.

L!TV:
> Aí, Luxa! Eduardo da Silva marca após calcanhar de Amaral
> Luxemburgo chega ao Flamengo querendo mudar a realidade
> Luxa comete gafe colocando Sport como campeão brasileiro
> Chegada de Luxemburgo divide opinião da torcida do Flamengo

A partir de agora, com a repercussão negativa do caso, dirigentes querem tratar o assunto da saída do jogador em sigilo para evitar quaisquer problemas jurídico com André Santos. André Santos tem 31 anos, foi revelado pelo Figueirense, passou ainda por Atlético-MG, Corinthians, Fernerbahçe (TUR), Arsenal (ING), Grêmio, e está em sua segunda passagem pelo Flamengo.

Com sete pontos ganhos, o Flamengo é o último colocado na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. No próximo domingo, os rubro-negros enfrentam o Botafogo, no Maracanã, às 18h30, pela 12ª rodada da competição.

Reveja: André Santos revela dificuldade para jogar em nova posição