icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/04/2014
12:44

O Real Madrid vive grande fase, e é até um dos favoritos na Liga dos Campeões. Porém o técnico Carlo Ancelotti está tendo uma briga feroz com as lesões. Já perdeu jogadores como Khedira, Jesé e Arbeloa, que podem nem voltar nesta temporada, e não vai contar com Cristiano Ronaldo nesse fim de semana, contra a Real Sociedad. Na partida pela Liga dos Campeões, sentiu dores no joelho esquerdo e teve que sair. Será poupado neste sábado. E o treinador italiano falou sobre essa "epidemia" na equipe.

- É um calendário muito difícil. Se compararmos com os alemães, que têm um descanso no inverno... Chegam frescos nos meses de fevereiro e março. Em janeiro, quando poderíamos treinar, jogamos nove partidas. Falo por todos os espanhóis. É um milagre termos cinco clubes em competições europeias - disse Ancelotti, que falou mais especificamente sobre Ronaldo:

- Isso foi para evitar riscos, temos partidas importantes pela frente. Ele está cansado e carregado. Conversei com ele, decidimos juntos. É normal e não há problemas.

Para a partida contra o Borussia Dortmund nesta semana, a mesma em que Ronaldo sentiu dores, Antelotti não contou com Di María de última hora. O argentino passou mal momentos antes do jogo, e deve ser outro desfalque contra os bascos.

- Está relacionado, mas não começará no banco. Perdeu peso, treinou individualmente na academia. Não acredito que comece a partida. Não se recuperou bem. Vou conversar com todos antes do jogo e ver como estão - concluiu.