icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/04/2014
10:45

Além da importante contribuição na Libertadores 2013, Guilherme tem assumido um papel de protagonista no Galo. Com excelentes atuações, assistências e gols, o atacante caiu de vez nas graças da torcida e vem se tornando peça fundamental no esquema de Paulo Autuori. Na partida da última quinta, contra o Santa Fé, o jogador marcou o gol da equipe no empate em 1 a 1 que classificou o Atlético-MG para a próxima fase da Libertadores. Satisfeito com o bom momento, o atleta ressaltou a força do grupo e sua alegria por estar cimentando sua vaga entre os titulares.

- Nosso grande objetivo contra o Santa Fé era voltar da Colômbia com a classificação e o empate me pareceu o resultado mais justo. A vaga nas oitavas de final nos dá tranquilidade para a última partida em casa contra o Zamora para tentar fechar essa primeira fase com uma boa vitória e manter a vantagem de decidir sempre diante da nossa torcida, como fizemos na temporada passada. Mas agora nosso foco é na primeira partida do Mineiro. Sabemos da força do adversário, mas vamos entrar fortes, sempre com muito respeito, mas impondo nosso jogo para reverter a vantagem do adversário jogando junto com a nossa torcida - falou o meia.

Decidir o Campeonato Mineiro não é novidade na vida de Guilherme. O atacante disputou quatro vezes a final do estadual e saiu vitorioso em três oportunidades (2008, 2012 e 2013), mantendo 100% de invencibilidade no Atlético-MG, quando sagrou-se campeão nas duas últimas temporadas. Quando ainda defendia o Cruzeiro, foi derrotado numa única ocasião, em 2007, diante do Atlético-MG. A respeito dos bons números e questionado se existe uma receita para vencer o estadual, Guilherme negou uma fórmula pronta, mas deu indícios do que é necessário para levar para casa mais um troféu.

- O Campeonato Mineiro é um torneio que sempre me dá boas lembranças, já que tive a oportunidade de conquistá-lo três vezes. As duas conquistas pelo Galo são inesquecíveis por terem sido meus primeiros títulos com a camisa do clube. Vou enfrentar a quinta final do Mineiro da minha carreira e sei que vamos ter pela frente dois clássicos muito disputados. Precisaremos entrar muito focados para construir bons resultados. Se conseguirmos abrir uma boa vantagem no primeiro jogo, como fizemos na última temporada, daremos um grande passo para conquistar o título, mas o adversário é forte e merece nosso respeito - finalizou.

Atlético-MG e Cruzeiro realizam nesse domingo a primeira partida da decisão do Campeonato Mineiro. A bola rola a partir das 16hs, na Arena Independência, Belo Horizonte.