icons.title signature.placeholder Raphael Martins
14/06/2014
16:26


Uma longa viagem de mais de três mil quilômetros desde Córdoba até o Rio de Janeiro. Esse foi o caminho percorrido pelos amigos Federico, Leonardo, Héctor e Maria. Tudo para ver a tão sonhada imagem de Messi levantando a taça da Copa do Mundo em um hipotético título da Argentina.

- Viajamos desde Córdoba seis dias completos, 3.500 quilômetros. Dirigíamos até a noite, parávamos, dormíamos e depois seguíamos viagem - disse Leonardo ao LANCE!Net.

Os quatro estavam "hospedados" em um trailer estacionado em plena Avenida Atlântica, em Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Os amigos inclusive possuem uma página no Facebook, chamada "Córdoba al Mundial".

- Trouxemos, colchões, cozinha e a casa inteira. O mate e o Fernet não podiam faltar - falou Federico, enfatizando as duas bebidas mais tradicionais dos argentinos.

A longa viagem não ficou livre de um imprevisto. Uma quebra no eixo do trailer chegou a atrasar um pouco a viagem, mas nada que pudesse arrefecer o ânimo dos torcedores.

- No meio do caminho rompeu o eixo do trailer, e tivemos que perder um dia e meio arrumando o problema - explicou Leonardo.

Sobre a final, os argentinos esperam um "Maracanazo 2". E, se isso ocorrer, Messi será endeusado como um tal Maradona já é.

- Não sei se Messi irá ser maior que Maradona, mas certamente passará a ser um grande ao lado dele - afirmou Federico.

A Argentina estreia neste domingo, no Maracanã, contra a Bósnia. Por conta disso, os argentinos tomaram o Rio de Janeiro. Na orla da cidade, a todo momento, se vê grupos inteiros cantando e pulando e dezenas de carros com placas do país vizinho.