icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/04/2014
08:00

O ataque do Santos ficou devendo mais uma vez, e a equipe da Vila Belmiro empatou em 0 a 0 com o Coritiba, no Couto Pereira, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Alvo de críticas e cobranças da torcida já na estreia, quando o Peixe empatou por 1 a 1 com o Sport, Damião pouco fez e foi substítuido por Geuvânio no intervalo da partida.

Depois do jogo, o jogador falou sobre a torcida, se esquivou de uma possível culpa e dividiu com o time a responsabilidade pela falta de gols.

- Qualquer jogador que estiver em time grande vai ter pressão. Temos que ver que acabamos jogando um futebol diferente e empatamos mais uma vez. Estou trabalhando para ajudar, e a bola não chegou, não conseguimos fazer o gol, por isso fui trocado, para dar mais velocidade. A gente deixou de fazer aquela correria que fazia, quando todo mundo vinha de trás e apoiava - falou o atacante alvinegro.

Principal contratação do Santos para temporada, o atacante Leandro Damião ainda não está rendendo o esperado. A insistência de Oswaldo de Oliveira com o camisa 9, até o momento, vai na contramão da paciência da torcida, que já pede a saída do jogador do time titular.