icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2014
17:00

Com a chegada de Sebastian Vettel, a Ferrari confirmou a saída de Fernando Alonso da equipe. O "príncipe das Astúrias" passou cinco anos defendendo a Scuderia e apesar de ser cotado para pilotar a McLaren na próxima temporada ainda não tem um futuro definido. Após o GP de Abu Dhabi, que terminou em nono, Alonso lamentou a temporada complicada do time, mas elogiou o esforço de todos.

- Meu tempo na Ferrari chega ao fim, foi uma temporara muito complicada, em que nós não fomos capazes de fazer muito contra o domínio técnico dos nossos rivais, mas lutamos por todo o caminho até o fim, todos nós fizemos nosso máximo, colocamos nosso coração nisso - afirmou.

Em sua última temporada pela Ferrari, o piloto espanhol terminou o campeonato de pilotos na sexta posição. Ele ainda declarou a dificuldade de dizer adeus para o time e que "qualquer piloto de Fórmula 1" gostaria de passar pela experiência que ele viveu enquanto esteve na equipe italiana.

- A corrida foi muito emocionante para mim. Depois de cinco anos não é fácil dizer adeus para uma equipe com a qual eu tenho crescido tanto ao longo dos últimos cinco anos, tanto como piloto, quanto como pessoa.

- Eu agradeço a todos os ferraristas pela torcida. Sentirei falta deles, dos fãs e da Itália, mesmo em caminhos separados. Eu sinto que vivi uma experiência única que qualquer piloto de Fórmula 1 adoraria ter vivido - finalizou.