icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/07/2013
10:17

O espanhol Fernando Alonso completa 32 anos nesta segunda-feira e com o quinto lugar no GP da Hungria, o piloto está cada vez mais distante da briga pelo título, já que Sebastian Vettel abriu 39 pontos de vantagem na liderança do campeonato. Alonso disse após a corrida que a conquista do título, será um milagre, caso aconteça.

- A superioridade da RBR agora é esmagadora, e ainda tem Lotus e Mercedes. Se a Ferrari encontrar peças e eu ganhar três ou quatro corridas, terei chances. Do contrário, será um milagre lutar pelo título do campeonato. Só poderei me divertir - disse Alonso.

O finlandês Kimi Raikkonen, da Lotus, assumiu a vice-liderança da Fórmula 1 com o segundo lugar conquistado em Budapeste. Alonso tem apenas duas vitórias na temporada (GP da China e Espanha) e não consegue repetir a mesma atuação de outros anos.

- Eu não estava tão rápido (no GP da Hungria), foi uma pena. Quero lutar corrida a corrida, fazendo sempre a melhor prova da minha vida. Há quatro anos estamos um segundo, um segundo e meio atrás da RBR e lutamos com eles até o final. Este ano não será diferente - finalizou.

Segundo o jornal alemão Sport Bild, o agente de Alonso negocia a transferência do piloto para a Red Bull no lugar de MArk Webber.

O espanhol Fernando Alonso completa 32 anos nesta segunda-feira e com o quinto lugar no GP da Hungria, o piloto está cada vez mais distante da briga pelo título, já que Sebastian Vettel abriu 39 pontos de vantagem na liderança do campeonato. Alonso disse após a corrida que a conquista do título, será um milagre, caso aconteça.

- A superioridade da RBR agora é esmagadora, e ainda tem Lotus e Mercedes. Se a Ferrari encontrar peças e eu ganhar três ou quatro corridas, terei chances. Do contrário, será um milagre lutar pelo título do campeonato. Só poderei me divertir - disse Alonso.

O finlandês Kimi Raikkonen, da Lotus, assumiu a vice-liderança da Fórmula 1 com o segundo lugar conquistado em Budapeste. Alonso tem apenas duas vitórias na temporada (GP da China e Espanha) e não consegue repetir a mesma atuação de outros anos.

- Eu não estava tão rápido (no GP da Hungria), foi uma pena. Quero lutar corrida a corrida, fazendo sempre a melhor prova da minha vida. Há quatro anos estamos um segundo, um segundo e meio atrás da RBR e lutamos com eles até o final. Este ano não será diferente - finalizou.

Segundo o jornal alemão Sport Bild, o agente de Alonso negocia a transferência do piloto para a Red Bull no lugar de MArk Webber.