icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2014
16:47

Os brasileiros Alison e Bruno Schmidt tiveram que passar pelo quali para chegar a fase de grupos do Grand Slam de Gstaad, na Suiça. Agora, eles estão na final do torneio e vão disputar a medalha de ouro, neste domingo, contra os americanos Philip Dalhausser e Sean Rosenthal, que conquistaram o título do Grand Slam de Stavanger há duas semanas, ao derrotarem Ricardo e Álvaro Filho.

Neste sábado, eles precisaram disputar três partidas para conseguir a vaga na disputa do ouro. No primeiro confronto, triunfo por 2 sets a 0 (21-17 e 21-18) sobre os cazaques Kadziola e Szalankiewicz, em 40 minutos de duração, pelas oitavas de final. Nas quartas, eliminaram os austríacos Doppler e Horst também por 2 sets a 0 (21-17 e 21-14), em 33 minutos. Já na semi, vitória sobre os alemães Erdmann e Matysik por 2 sets a 0 (21-15 e 21-19), em 38 minutos de jogo.

– O Bruno jogou muito bem, defendeu muito e me deu a tranquilidade de bloquear bem na rede. Temos que nos preparar bem para amanhã, pois é um jogo importante. Dalhausser e Rosenthal são a equipe do momento. Amanhã vamos fazer o nosso melhor e dar a todos um bom show – declarou o medalhista olímpico.

Outras três duplas brasileiras jogaram neste sábado, mas não conseguiram chegar a fase final. Ricardo e Álvaro Filho cairam nas quartas após derrota justamenta para Dalhausser e Rosenthal: 2 sets a 0 (21-15 e 21-12), em 35 minutos.

Pedro Solberg/Emanuel e Evandro/Vitor Felipe foram eliminados nas oitavas de final. Os primeiros acabaram derrotados pelos norte-americanos Lucena e Doherty por 2 sets a 0 (21-19 e 23-21), em 38 minutos. Já Evandro e Vitor perderam para os espanhóis Herrera e Gavira por 2 sets a 1 (16-21, 21-17 e 15-9), em 49 minutos.