icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/04/2014
17:59

Com as ausências de Ricardo Goulart e Dagoberto, Marcelo Moreno pode assumir a condição de titular do Cruzeiro no jogo contra o Cerro Porteño (PAR), nesta quarta-feira, às 22h, pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América. O centroavante tem boas recordações do time de Assunção. Em 2008, período da sua primeira passagem na Toca da Raposa, ele marcou nos dois jogos contra os paraguaios.

As boas exibições diante do rival desta quarta lhe rendem a alcunha de algoz, o que não incomoda o boliviano. Ele relembra os feitos.

– Os jogos contra o Cerro, assim como a maioria dos jogos de Libertadores, são tradicionalmente muito difíceis, é um adversário duro e que vai tentar dificultar nossa missão. Em 2008, tínhamos o nervosismo da estreia na competição, mas conseguimos impor nosso jogo e vencer tanto em casa quanto no Paraguai. Aquele campeonato, individualmente, foi muito bom, já que consegui me destacar e terminar como artilheiro – disse o atleta, que ainda completou:

– Atualmente, considero que temos um time mais qualificado e um elenco mais forte, com jogadores mais experientes e habituados a grandes decisões. Espero que a gente consiga abrir uma boa vantagem no jogo de ida, junto a nossa torcida, para jogarmos de modo mais tranquilo como visitantes e nos aproximar desse sonho, que é o título da Libertadores.

Relembre os jogos de Moreno contra o Cerro Porteño:
30/1/2008 – Cruzeiro 3 x 1 Cerro Porteño (PAR) – Gol de Marcelo Moreno
6/2/2008 – Cerro Porteño (PAR) 2 x 3 Cruzeiro – Gol de Marcelo Moreno