icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
09/11/2014
12:55

Após a bela vitória do Atlético-MG sobre o Palmeiras por 2 a 0, no Pacaembu, um dos jogadores mais animados era o lateral Alex Silva. Titular na partida, o defensor teve boa atuação e não deu brechas para os avanços do time alviverde pelo seu setor. Feliz com o triunfo em um dia que o Galo poupou vários atletas que são regularmente titulares, Alex comentou a importância do resultado obtido fora de casa e ressaltou a força do grupo alvinegro, já projetando o próximo jogo contra o Cruzeiro, equipe que no passado se chamou Palestra Itália, assim como o adversário batido nesse sábado.

- Foi um jogo excepcional de todo o nosso grupo. Os jogadores que não são normalmente titulares enxergaram a oportunidade de mostrar seu valor e responderam com muita entrega durante os 90 minutos. Conseguimos, com muita luta, vencer a falta de entrosamento e merecemos a vitória, porque nos portamos bem defensivamente e soubemos aproveitar as oportunidades de gol. Mostramos hoje a força do nosso grupo e ganhamos uma dose a mais de confiança para as próximas partidas. Temos agora o nosso maior rival pela primeira partida da final da Copa do Brasil e seria maravilhoso conseguir vencer esse outro Palestra e largar na frente na busca pelo título - comemorou.

MAIS:
> Reservas vencem e colocam o Galo no G-4 do Brasileirão
> Após boa partida, Dodô recebe elogios do técnico Levir

O triunfo do último sábado levou o Atlético-MG aos 57 pontos e voltou ao G4, temporariamente na terceira colocação. As únicas equipes com possibilidade de ultrapassar o alvinegro, são Grêmio e Internacional, que se enfrentam nesse domingo. Alex Silva valorizou muito o resultado conquistado e lembrou a importância de jogar bem as últimas partidas do Campeonato Brasileiro para garantir, o quanto antes, a vaga na próxima Libertadores.

- Nossa meta para esses últimos jogos é garantir essa vaga na Libertadores e chegar mais tranquilos para as últimas rodadas, até porque disputamos uma outra competição paralelamente e não podemos poupar energias no momento. Sabemos que não será fácil manter esse momento especial que estamos vivendo, porque os adversários virão jogar com ainda mais atenção porque sabem da nossa força e do nosso jeito de jogar intensamente, acreditando a todo instante. Tenho muita confiança na capacidade da nossa equipe e se os primeiros colocados tropeçarem, podemos sonhar até mesmo com o título do Brasileiro - projetou.

O Galo tem agora três partidas seguidas no Independência. Enfrenta na próxima quarta-feira o rival Cruzeiro pelo primeiro jogo da Copa do Brasil. Posteriormente, receberá Figueirense e Flamengo no Horto, em dois jogos válidos pelo Campeonato Brasileiro.