icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/06/2014
18:15

O Grêmio confirmou na última semana a contratação de Giuliano, destaque do Internacional na conquista da Copa Libertadores de 2010. Apresentado nesta quinta-feira, o meia minimizou a situação e disse que sempre respeitará sua história colorada. Do outro lado, a chegada também repercutiu. O meia Alex, identificado com o Colorado, brincou com a situação e prometeu uma chegada mais forte no agora rival.

Giuliano e Alex não chegaram a atuar juntos. O primeiro chegou em 2010 e saiu ao final do ano, vendido ao Dnipro. Já Alex acabou negociado em 2009, após a conquista da Copa Sul-Americana como um dos destaques do Inter. O camisa 12 não vê como algo fora do comum a chegada do meia ao rival.

- Vejo como profissionalismo. Tenho uma historia mais longa, um apego maior no Inter. O Grêmio nunca me procurou. Jogadores que ficaram 5, 6 anos aqui, acho que fica mais dificil jogar no rival. Aprendemos a torcer para este time, como os gremistas que jogaram mais lá aprenderam. Mas há o lado profissional, interesse, às vezes é a melhor opção. Ele não ficou muito tempo, mas tem uma caminhada vitoriosa. É um cara do bem. Vamos ter que dar uma pegada no tornozelo dele para que não nos atrapalhe (risos) - brincou o camisa 12.

Alex ainda se recupera de lesão e não treina com o restante dos colegas no campo. O meia terminou a primeira parte do Brasileirão, antes da parada para a Copa, como desfalque para Abel Braga, para tratar dores no tornozelo esquerdo.