icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2014
11:17

O ditado é conhecido: "Quem fala o que quer, ouve o que não quer". Depois de provocar José Aldo por diversas vezes em suas redes sociais e durante entrevistas, Chad Mendes conseguiu a atenção do brasileiro e fez com que o mesmo divulgasse uma resposta pra lá de irritado. Em carta enviada ao site do canal Combate, o campeão dos penas se defendeu das acusações do americano e disparou palavras duras contra o rival americano.

Recentemente, Mendes reclamou da lesão que tirou José Aldo da disputa de cinturão que estava marcada para acontecer no dia 2 de agosto, em Los Angeles, pelo UFC 176. A reação do brasileiro foi direta e precisa, citando momentos de sua carreira.

- Talvez tenha tantas (lesões) porque não devo estar tomando os mesmos "suplementos" que você toma. Tenho lesões porque treino muito para meter a porrada em você, como fiz da última vez, e acho que você deve ter pesadelos até hoje com isso. Fiz os exames médicos necessários, mas se você agora é médico, posso mandar os exames para você avaliar. Quem sabe você não me receita um dos seus suplementos para eu melhorar mais rápido? Não adianta fugir, porque eu vou atrás de você. Enquanto a grade não fechar, pode falar o que quiser, porque depois que ela fechar você não vai conseguir abrir a boca - disparou o dono do cinturão do penas.

O brasileiro também respondeu a acusação de Mendes, que reclamou do confronto ter sido cancelado, uma vez que ele aconteceria em Los Angeles, casa do americano. 

Aldo e Mendes se enfrentaram no UFC 142, em 2012 (FOTO: Divulgação/UFC)

- Já me lesionei antes de lutar no Brasil contra o Frankie Edgar e depois fui a Vegas lutar. Lutei na sua casa (em Sacramento) contra seu professor (o líder da Team Alpha Male, Urijah Faber), já lutei na casa do Mark Hominick (Canadá) com 55 mil pessoas, já lutei no Japão, na Europa... Campeão não escolhe adversário e nem local onde vai lutar. Agora te pergunto: quem é o verdadeiro frouxo? - finalizou.

José Aldo e Chad Mendes se enfrentaram pela primeira vez em janeiro de 2012, no Rio de Janeiro, onde o brasileiro nocauteou o americano no primeiro round. Dois anos depois, Mendes refez seu caminho rumo ao topo e conquistou a chance de disputar o cinturão mais uma vez. O duelo estava marcado para o UFC 176. Porém, uma lesão de Aldo no ombro e nas costas cancelou o evento. A organização ainda não tomou uma decisão sobre a situação e até cogita a criação de um título interino caso o brasileiro demore a se recuperar.