icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/11/2014
16:17

Alan Kardec credita boa parte de seu sucesso atual ao trabalho e a confiança dada pelo técnico Muricy Ramalho no São Paulo. O atacante marcou gol nos últimos quatro jogos, mas chegou a ficar 11 sem balanças redes e mesmo assim seguiu bancado pelo técnico.

- Em nenhum momento eu abaixei a cabeça. Meus companheiros e a comissão técnica sempre me deram bastante confiança. O Muricy foi importantíssimo também, porque sei da maneira como ele trabalha, já conheço seu jeito e ele também sabe qual minha forma de trabalhar. Sempre procurei me dedicar nos treinamentos, no dia a dia, com muita seriedade e respeitando aos meus companheiros. O Muricy reconhece isso - afirmou Kardec.

- Com ele não tem vaidade ou preferidos. Ele sempre olha para quem trabalha com seriedade, em prol do grupo. Eu sempre tive a mentalidade de deixar toda minha dedicação e vontade dentro do campo, e sei que a comissão reconhece o esforço de todos os jogadores. Trabalhei com o Muricy no Santos, e espero sermos vitoriosos mais vezes - completou.

Kardec marcou quatro gols nos últimos quatro jogos. Anotou contra Goiás (3 a 0), Emelec (4 a 2), Criciúma (2 a 1) e Emelec (2 a 3), partida que garantiu a equipe nas semifinais da Copa Sul-Americana.

Com os gols marcados, ele chegou a dez com a camisa do São Paulo, mesmo número que marcou pelo Palmeiras este ano. O atacante ainda está distante da artilharia do time no ano, já que Luis Fabiano marcou 16 vezes e Pato, 12.