icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/04/2014
12:55

Com o chip do Campeonato Carioca ativado, o Vasco volta todas as atenções para o primeiro duelo da final, domingo, contra o Flamengo. O técnico Adilson Batista, que teve de enfrentar uma verdadeira maratona para comandar o reservas no empate sem gols contra o Resende, na quinta, em Manaus, pela Copa do Brasil, e voltou logo após a partida, pode ter dois problemas para o clássico: Guiñazú e Diego Renan não foram ao campo novamente, no treino desta sexta-feira, em São Januário.

Guiñazú e Diego Renan, assim como aconteceu ao longo da semana, não participaram das atividades no gramado e ficaram fazendo trabalho regenerativo na academia. Entretanto, segundo assessoria do clube, ambos os jogadores não preocupam para o domingo. No campo, o jovem Jonh Cley fez o papel do primeiro volante, já que o substituto direto do argentino, o paraguaio Aranda ainda não voltou de Manaus. Na lateral esquerda, Marlon entrou no lugar de Diego Renan.

Adilson Batista, como de costume, realizou um movimentado treino tático, sempre pausando para cobrar movimentação e atenção à marcação no meio de campo. O treinador insistiu nas jogadas de bola parada do Cruz-Maltino, sempre nos pés do maestro Douglas.

Vasco e Flamengo começam o duelo pelo título de Campeão Estadual no domingo, às 16h, no Maracanã. O Flamengo tem a vantagem de jogar por dois empates para levantar o troféu. O Vasco vem com a missão de encerrar um jejum que já dura 11 anos sem títulos de Carioca.