icons.title signature.placeholder Pedro Barboza
31/03/2014
08:09

O Flamengo embarcou na manhã desta segunda-feira, no Aeroporto Internacional Tom Jobim, rumo a Guaiaquil, no Equador, para a disputa da quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores diante do Emelec. Na bagagem, o Rubro-Negro leva a necessidade de conquistar ao menos uma vitória para se manter vivo na competição sul-americana.

Mesmo com dores nas costas, após uma joelhada na partida do último sábado, contra a Cabofriense, Hernane acredita que não terá problemas para a partida de quarta-feira.

- Estou sentindo um pouco ainda, mas já fui medicado e até amanhã (terça-feira) vou conversar com o doutor (Márcio Tannure) para ver como vou estar para a partida. Espero que em Guaiaquil eu já esteja bom para treinar - comentou Hernane.

Para o zagueiro Wallace, a postura em campo será fundamental para um resultado positivo do Flamengo na partida. Com isso, o defensor espera que o time entre em campo não apenas pensando em conquistar um empate.

- Lá (Guaiaquil) não tem altitude, o clima é semelhante com o daqui e vamos para ganhar. Esse jogo vale tudo, a torcida clama pelo resultado positivo para que consigamos trazer essa decisão para o Maracanã. Quando se pensa em buscar o empate, você está mais perto da derrota. Entendo eu que iremos para ganhar o jogo, mas se por uma fatalidade não conseguirmos a vitória, o empate está de bom tamanho - comentou Wallace.


O técnico Jayme de Almeida foi bastante saudado por alguns torcedores (Foto: Pedro Barboza)

Já para o goleiro Felipe, esta partida definirá o ano do Flamengo. O arqueiro salientou ainda que o time depende apenas de si para conseguir a classificação para a fase de mata-mata. 

- Serão 90 minutos que definirão o ano do Flamengo. Precisamos de um bom resultado, mas na semana passada a situação estava um pouco mais complicada. Com os outros resultados, dependemos apenas de nós. Por isso vamos em busca deste bom resultado - explicou Felipe.

Na terça, o técnico Jayme de Almeida faz o último treino no CT do Barcelona de Guayaquil. Flamengo e Emelec se enfrentam nesta quarta-feira, às 22h (horário de Brasília). No Grupo 7 da Libertadores, o Rubro-Negro é o último colocado, com quatro pontos. O Bolívar (BOL) lidera, com oito, seguido por León (MEX), com sete e, em terceiro, o time equatoriano, com seis pontos.