icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/04/2014
11:07

Com 100% das receitas comprometidas por conta de uma sucessão de ações de penhoras, o Botafogo vive uma grave crise financeira. Por isso, o clube diz não ter condições de pagar os salários dos jogadores. No entanto, o advogado Bichara Neto, especialista em direito desportivo, disse, ao LANCE!Net, que é possível conseguir o desbloqueio de parte das receitas do clube com uma ação na Justiça por parte dos funcionários.

- Como o salário é prioridade em relação a outras dívidas, os funcionários do clube podem se mobilizar e entrar na Justiça, fazendo com que parte dessa penhora seja desbloqueada para o pagamento de salários. É uma medida cabível e comum - explicou.

Consultado pela reportagem, o vice-presidente do departamento jurídico do Botafogo, Alberto Macedo, disse que realmente é uma medida cabível, mas deu a entender que não é a melhor ação a ser tomada.

- Acredito que o Bichara falou em tese. O que ele disse não está errado, mas como não tem conhecimento do que acontece no dia a dia do clube, ele não sabe a melhor medida para o clube. É, sim, uma forma de resolver parcialmente a situação, mas só vivendo o dia a dia do clube para entender - comentou ao LANCE!Net.