icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/04/2014
19:42

Compromisso de advogado é coisa séria. Se furar, a mancada é com juiz (de Direito, não o de futebol) e a coisa pode ficar feia. O "doutor" Carlos Miranda se arriscou e foi, há três anos, ao Morumbi ver um jogo entre Vasco e São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. Por pouco não perdeu uma audiência no Fórum.

- O jogo era no domingo e fui num ônibus da torcida. Quando saímos do estádio o vidro do ônibus estava trincado, mas o motorista decidiu seguir viagem. Em Volta Redonda (RJ) o vidro quebrou e não deu mais para andar. Como eu tinha compromisso, fui à rodoviária e peguei um ônibus de linha para chegar ao Rio de Janeiro na segunda-feira de manhã - explicou.

Da rodoviária no Rio até a audiência foi montada uma pequena operação.

- O meu pai parou o que estava fazendo e me levou um terno. Saí do ônibus e fui direto para a audiência. Essa é uma das loucuras que fiz pelo Vasco - disse, acrescentado que o juiz deu ganho de causa para seu cliente.

DE FAMÍLIA

A paixão de Carlos pelo time da Colina vem do pai, morador do bairro de São Cristóvão, onde fica a sede do Vasco.

- Meu pai sempre me levava aos estádios. Com sete anos eu já ia ao Morumbi. É um amor que passa pela família e meu filho também já é vascaíno - finalizou.