icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/04/2014
12:10

Não é a dor de cabeça para montar um Vasco repleto de desfalques para a estreia da Série B, neste sábado, contra o América-MG, que vai deixar o técnico Adilson Batista fazendo lamentações. Embora tenha a possibilidade de contar com até oito desfalques para o jogo, o treinador escolhe outro viés no discurso e dá confiança aos jogadores que vão entrar.

- Essas coisas fazem parte da nossa profissão. Acontece. Tivemos algumas lesões que não estavam no planejamento. Na última até ficamos preocupados com o Everton (Costa). Mas não sou de lamentar ausência, passo confiança a quem entra. Ainda aguardo a chegada do Danilo e do Thalles, então vamos fazer um time competitivo para vencer a equipe do América-MG - comentou.

Entre as ausências, dois ainda têm possibilidade de jogar, mesmo que sejam remotas. O lateral-esquerdo Diego Renan (entorse no tornozelo esquerdo) e o volante Pedro Ken (incômodo na virilha esquerda) não treinaram nos dois últimos dias, mas Adilson deixou no ar a presença deles.

- Estão fazendo tratamento, então amanhã (domingo) a gente define. Hoje ouvi o Daniel (Freitas, fisioterapeuta) e dei uma segurada. Não fiz muita coisa no treino. Aguardamos os dois, mas também já vamos ter a volta do Thalles e do Danilo e isso é muito bom - disse.

Os desfalques confirmados do Cruz-Maltino são: Rodrigo, Lorran, Guiñazú, Bernardo, Everton Costa e Edmilson. Assim, a equipe deve entrar em campo com Martin Silva, André Rocha, Luan, Rafael Vaz e Marlon; Aranda, Fellipe Bastos, Dakson (Danilo) e Douglas; Reginaldo e Thalles (Montoya).

Adilson fala de desfalques e revela que aguarda por Thalles