icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
06/04/2014
20:04

O técnico Adilson Batista acabou sendo bastante contestado no empate em 1 a 1 com o Flamengo, neste domingo, no Maracanã. A reclamação geral foi devido a demora do treinador em tirar Eveton Costa - já que o atacante vascaíno já estava com um amarelo e acabou tomando o segundo, deixando o time com menos um em campo.

Uma das melhores opções de velocidade do atque cruz-maltino na partida, Adilson diz ter alertado o atleta sobre o risco da possível expulsão.

- Eu pensei em tirá-lo dois minutos antes. Alertamos no intervalo sobre o risco da expulsão. Ele é um jogador de velocidade, que sabe trabalhar bem a bola. Prejudicou muito a ausência dele.

Vasco e Flamengo voltam a campo, para o segundo jogo da final do Campeonato Carioca, no próximo domingo, às 16h, no Maracanã.

Vasco e Flamengo empatam em jogo brigado