icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/07/2014
09:54

Poucos dias após a Nike revelar o fim da parceria com o Manchester United, a principal concorrente da empresa americana no ramo, a Adidas, anunciou nesta segunda-feira contrato de 10 anos com o maior campeão inglês. A mudança para a rival da antiga patrocinadora no mercado rendará aos Red Devils valor recorde de 75 milhões de libras (cerca de R$ 285 milhões) por temporada, a valer a partir da época 2015/2016, quando se encerra oficialmente o contrato com a Nike.

Apesar dos altos gastos da empresa alemã - que terá de desembolsar mais de R$ 2,8 bilhões -, a Adidas se mostra otimista quanto ao lucro com a parceria. Já no anúncio oficial, o CEO da coporação, Herbert Hainer, afirmou esperar retorno de R$ 5,7 bilhões apenas com venda de produtos do clube inglês.

- Esta colaboração é um marco para nós quando se trata de comercialização de potencial. Esperamos que o total com vendas chegue a 1,5 bilhão de libras ao longo da nossa parceria - disse.

Já com novo contrato, o United deixa vínculo de 13 anos com a antiga patrocinadora. Enquanto isso, a Adidas fecha com o segundo gigante inglês, já que também veste o Chelsea. O uniforme da última temporada de contrato entre os Red Devils e a marca americana foi divulgado na última semana, em vídeo.

Apesar do valor recorde, o acordo vem em momento delicado e de desvalorização do clube, que não disputará qualquer competição europeia nesta temporada com a sétima colocação no último Campeonato Inglês. A má campanha rendeu a demissão do técnico David Moyes após menos de uma temporada no comando. Louis van Gaal, terceiro colocado da Copa do Mundo com a Holanda, já foi anunciado como novo treinador.