icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/11/2013
20:26

Rebaixado desde a 32ª rodada, com apenas 17 pontos, quatro vitórias e 77 gols sofridos em 36 jogos. Esse é o desempenho do Náutico até este momento, no Brasileiro. Mesmo assim, o volante Abuda quer que o Vasco encare a partida do próximo domingo, às 17h, no Maracanã, com seriedade:

- Tem que entrar ligado. Não importa a posição que o Náutico está. Podería ser o Barcelona ou o Real Madrid. Temos que pensar na nossa família. É o jogo da nossa vida e que vai decidir tudo para nós - disse o jogador, que, depois, acrescentou que acha que a definição sobre a luta contra o rebaixamento só vai sair na última rodada:

- Acho que vai ser decidido na última rodada. Temos que fazer a nossa parte. Pensar no Náutico e ganhar de qualquer jeito.

Na última rodada, no próximo dia oito de dezembro, o Vasco encara o Atlético-PR, na Arena Joinville. No domingo, o Cruz-Maltino, que está na 18ª colocação, com 41 pontos, já pode sair da zona de rebaixamento, em caso de vitória e uma combinação de resultados.