icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/07/2013
08:03

O Fluminense perdeu os quatro últimos jogos no Campeonato Brasileiro sofrendo com falhas individuais. Se neste domingo, o técnico Abel Braga considerou a derrota por 3 a 1 para o Vasco como um resultado justo, ele lembrou que nas últimas partidas o time teve uma boa atuação, mas não conseguiu sair vencedor. Para o comandante, está faltando confiança aos jogadores.

- Não faltou cabeça. Faltou termos consciência de que estamos sofrendo muitos gols de forma muito fácil. Então quando tiver esta consciência de que não dá para pensar que está livre, tem dado problema. Daqui a pouco as vitórias acontecem, volta a ter confiança e volta tudo ao normal. Nos dois últimos jogos sofremos primeiro gol em uma partida que estava boa para nós - explicou.

Abelão também lamentou que o time tenha saído atrás no placar novamente e disse que isso tem sido fundamental para o resultado final dos jogos. O treinador também lembrou que ajeitou a equipe no intervalo, colocou Rhayner para buscar o contra-ataque, mas o segundo gol vascaíno, logo no início acabou desanimando o Tricolor.

- Era uma jogada fácil que antecipmos a bola e demos para o adversario e aí quando vê já está perdendo e tem que correr atrás. Tivemos um jogador expulso. Disse que confiava no meu time e tínhamos certeza que faríamos algo de interessante no segundo tempo e sofremos o segundo gol sem tocar na bola. Não deu nem para respirar - lamentou.

Abel tenta explicar derrota para o Vasco

O Fluminense perdeu os quatro últimos jogos no Campeonato Brasileiro sofrendo com falhas individuais. Se neste domingo, o técnico Abel Braga considerou a derrota por 3 a 1 para o Vasco como um resultado justo, ele lembrou que nas últimas partidas o time teve uma boa atuação, mas não conseguiu sair vencedor. Para o comandante, está faltando confiança aos jogadores.

- Não faltou cabeça. Faltou termos consciência de que estamos sofrendo muitos gols de forma muito fácil. Então quando tiver esta consciência de que não dá para pensar que está livre, tem dado problema. Daqui a pouco as vitórias acontecem, volta a ter confiança e volta tudo ao normal. Nos dois últimos jogos sofremos primeiro gol em uma partida que estava boa para nós - explicou.

Abelão também lamentou que o time tenha saído atrás no placar novamente e disse que isso tem sido fundamental para o resultado final dos jogos. O treinador também lembrou que ajeitou a equipe no intervalo, colocou Rhayner para buscar o contra-ataque, mas o segundo gol vascaíno, logo no início acabou desanimando o Tricolor.

- Era uma jogada fácil que antecipmos a bola e demos para o adversario e aí quando vê já está perdendo e tem que correr atrás. Tivemos um jogador expulso. Disse que confiava no meu time e tínhamos certeza que faríamos algo de interessante no segundo tempo e sofremos o segundo gol sem tocar na bola. Não deu nem para respirar - lamentou.

Abel tenta explicar derrota para o Vasco