icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/11/2013
13:15

O técnico Cuca teve o contrato estendido até o final de 2014 e, caso o treinador do Atlético-MG cumpra o novo vínculo, se tornará o técnico que detém o cargo mais longevo do futebol brasileiro, contando as equipes da Série A e B do futebol nacional. Com chegada em agosto de 2011, serão três temporadas completas e mais cinco meses.

O feito teve dois acontecimentos centrais. Primeiro foi a renovação, que casou com a saída já confirmada de Tite do Corinthians, na virada do ano. Mano Menezes assumirá o Timão pela segunda vez. Tite chegou em outubro de 2010, venceu o Brasileirão, a Libertadores e o Mundial. Serão, em dezembro deste ano, três anos e três meses.

Cuca comemorou o fato e classificou-o como uma mudança de mentalidade, sendo que, se ficar até outubro de 2014, ele empate, em período no mesmo cargo, com Tite, a quem serviu de exemplo para o sucesso no Galo. O treinador possui 148 jogos pelo Alvinegro, com três títulos e 60% de aproveitamento.

- Muito, hoje a gente ficar três anos no clube grande como o Atlético é raro, tem de comemorar mesmo. A mentalidade está mudando, a gente tem bons resultados aqui, mas é levado em contrapartida o trabalho, não só resultado em jogo.

Para Cuca, houve uma compreensão da diretoria e da torcida do Atlético para que ele conseguisse chegar em 2013 e ter o melhor ano de sua vida. Foi campeão da Libertadores e entrou em lua de mel com os atleticanos.

- Quando se passa mau momento aqui, tem compreensão, da torcida, da diretoria, está sendo avaliado sempre.