Larissa e Talita

Larissa e Talita estreiam domingo nos Jogos do Rio-2016 (Foto: Matheus Vidal/CBV)

LANCE!
02/08/2016
23:19
Rio de Janeiro

A dupla Larissa/Talita, integrante do Time Petrobras, que inicia sua trajetória nos Jogos Olímpicos contra as russas Ukolova/Birlova, já está em contagem regressiva para a estreia no próximo domingo, às 10h. Bicampeãs brasileiras e campeãs do World Tour Finals 2015 (EUA), elas fizeram, nesta terça-feira, o treino técnico de reconhecimento na quadra principal da Arena de Copacabana, local das disputas. À tarde, voltaram a treinar no Centro de Capacitação Física do Exército, na Urca, onde atenderam a imprensa.

- A Arena está sensacional. Na hora em que cheguei lá várias coisas passaram pela minha cabeça. Pensei em quantas pessoas gostariam de estar ali no meu lugar. O quanto é incrível poder ser uma vencedora no esporte e estar nesse palco, nessa Arena, no Rio de Janeiro, onde as pessoas amam o voleibol - disse Larissa, de 34 anos, medalhista de bronze nos Jogos Londres 2012, ao lado de Juliana.

Desde a sua formação, em julho de 2014, a dupla conquistou 26 títulos, sendo 213 vitórias em 232 jogos, segundo dados da Confederação Brasileira de Voleibol. Um aproveitamento que a credencia como uma das favoritas ao ouro olímpico. No último torneio que disputaram, no início de julho, Larissa e Talita venceram o Major Series de Gstaad, na Suíça, ao superarem as norte-americanas Kerri Walsh e April Ross por 2 sets a 0.

- Nos Jogos Olímpicos, o nosso grupo está bom, nem tão forte nem tão fraco. Tem as russas, depois Estados Unidos, que sempre têm bons times, e a Polônia, que sabe jogar, tem ginga, meninas habilidosas. Olimpíada é jogo a jogo, passo a passo. Vamos ter que estar ligadas, focadas. O nosso objetivo é chegar à final olímpica. Espero muito que a gente tenha dois times do Brasil na decisão. Isso só enriquece o nosso esporte - acrescentou Larissa.

Talita, por sua vez, elogiou a estrutura montada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) na Urca e disse que a dupla optou por ficar no Centro de Capacitação Física do Exército para estar mais próxima ao local de competição.

- Além disso, podemos ter mais pessoas da equipe por perto. Aqui estamos o tempo inteiro juntos. Na Vila, vivenciamos o clima olímpico e os outros atletas, mas ficamos afastadas de pessoas que participaram de toda a nossa preparação. O nosso dia a dia são todos os meninos que estão aqui. Não é só Larissa e Talita. São dez pessoas envolvidas no trabalho - afirmou a jogadora de 33 anos.

Tanto Larissa quanto Talita disputaram os Jogos Olímpicos de Pequim (2008) e Londres (2012), separadamente. Larissa estreou em Olimpíadas ao lado de Ana Paula e parou nas quartas de final. Quatro anos depois, disputou o torneio ao lado de Juliana e ficou com o bronze. Talita foi 4ª colocada em 2008, com Renata Ribeiro, e eliminada precocemente, sem brigar por medalha, em 2012, quando jogava com Maria Elisa.

O vôlei de praia brasileiro acumula 11 pódios olímpicos, sendo duas medalhas de ouro, seis de prata e três de bronze. Desde Atlanta 1996, ao menos uma medalha é conquistada por edição pelos representantes nacionais.