Tênis News
17/06/2016
13:37
Halle (Alemanha)

A jovem promessa do tênis alemão, Alexander Zverev, de apenas 19 anos e 38º do ranking da ATP, superou a experiência do cipriota Marcos Bagdhatis, 42º, e aguarda pelo suíço Roger Federer na semifinal do ATP 500 de Halle, na Alemanha.

Zverev precisou de 1h31 para fechar o placar em 7/6 (9) 6/3 tedo disparado 11 aces contra três do cipriota, que venceu 79% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 91% de aproveitamento do alemão, que perdeu apenas quatro pontos jogados em seu primeiro serviço durante todo o jogo.

Com os dois tenistas jogando bem na grama alemã desde o inicio da semana, o primeiro set foi retrato de o quão confortáveis os dois estão na grama, trabalhando bem com seus saques e executando com firmeza golpes do fundo de quadra e aproximações a rede. No primeiro set, não houve sequer chance de quebra para qualquer um dos tenistas, poucos erros, e Zverev levou a parcial nos detalhes no tiebreak.

No set seguinte, o jogo seguiu os moldes do anterior. Empurrado pela torcida e confiante por ter vencido a primeira etapa, Zverev foi agressivo, conquistou a quebra de saque na única chance de quebra da partida no sexto game e administrou a vantagem.

Garantido em mais uma semifinal de ATP 500, a segunda em casa, já que em 2014 chegou à semi em Hamburgo onde enfrentou e foi derrotado pelo então quinto do mundo, o espanhol David Ferrer; Zverev encara o principal favorito ao título, o suíço Roger Federer, que bateu o belga David Goffin.

Zverev e Federer se enfrentaram uma vez no circuito profissional, este ano pelo saibro do Masters de Roma e o suíço levou a melhor.