Nick Kyrgios em Xangai

Tennis TV

TÊNIS NEWS
29/12/2016
15:46
Brisbane, Austrália

Dono de três títulos de Grand Slam, o suíço Stan Wawrinka expôs seus pensamentos sobre o jovem e polêmico australiano Nick Kyrgios. Para Wawrinka, a elite deve continuar dominando o tênis, mas Kyrgios configura um perigo durante o Australian Open.

Aos 31 anos Wawrinka venceu um Grand Slam em cada uma das últimas três temporada, tornando-se o terceiro jogador a vencer mais torneios da categoria desde 2014, ficando atrás apenas de Novak Djokovic (com 6) e Serena Williams (com 5).

“Andy (Murray) e Novak (Djokovic) foram os grandes nomes em 2016, fizeram uma temporada sensacional, acredito que em 2017 seja a mesma coisa,” pontou o cabeça de chave número 2 no torneio de Brisbane. “Aposto em outros nomes fortes para 2017 também, como Milos Raonic, Kei Nishikori, Domionic Thiem e Nick Kyrgios.”

Wawrinka expressou dúvidas sobre a capacidade de Kyrgios e Tomic manterem-se motivados para sustentar uma boa temporada em uma idade relativamente jovem em relação ao top-10 atual.

“Kyrgios é um jogador incrível e segue melhorando a cada ano,” disse o número 4 do mundo. “No entanto, sua carreira tem muitos altos e baixos e tudo se deve à sua motivação. Se ele fizer uma boa pré-temporada será muito difícil de ser vencido, levando-se em conta que ele já é um jogador muito perigoso.”

Indagado sobre o respeito que Kyrgios teria o respeito dos demais jogadores em razão de seu comportamento, Wawrinka foi direto. “É difícil falar por todos, mas eu o vejo como um jogador muito forte e consistente. Sei que ele estará no circuito por muitos anos e conquistará grandes vitórias.”

O suíço ainda desconversou quando perguntado se guardava rancores de Kyrgios em razão do episódio em que o australiano insultou a namorada do suíço em quadra durante uma partida em 2014.

“Não que eu saiba,” respondeu.