Thiago Monteiro em Guayaquil

Thiago Monteiro em Guayaquil. Crédito: Divulgação

TÊNIS NEWS
17/02/2016
19:08
Rio de Janeiro (RJ)

Thiago Monteiro quebrou, com sua grande vitória sobre Tsonga, dois tabus do tênis nacional: um brasileiro não vencia um top 10 há quase 4 anos, enquanto a façanha não era alcançada em território nacional há quase 15.

O último brasileiro a vencer um top 10 foi Thomaz Bellucci, em julho de 2012. Na ocasião, ele bateu o sérvio Janko Tipsarevic, à época 8º do ranking mundial, na final do torneio de Gstaad, na Suíça, onde tornou-se bicampeão - o brasileiro era o 60 da ATP.

A última vitória de um brasileiro sobre um top 10 em território brasileiro foi de Flávio Saretta, no Brasil Open 2001, por 4/6, 6/2 e 6/4, contra o também brasileiro Gustavo Kuerten, o Guga, na época o líder do ranking mundial.

No Brasil Open 2007, o gaúcho Tomas Behrend bateu Carlos Moyá, ídolo de Rafael Nadal e ex número um do mundo espanhol. Moyá era o 7º da ATP, na semana do torneio. No entanto, Behrend tinha dupla cidadania e jogava pela Alemanha, invalidando a contabilização de tal vitória nas estatísticas.

Nunca, porém foi registrada a vitória sobre um top 10 de um brasileiro com ranking abaixo dos 300 melhores tenistas do Planeta. Thiago Monteiro, nesta quarta feira, quebrou esta marca, antes impensável no pensamento de qualquer fã do tênis canarinho.