Bruno Soares treina em quadra do Jockey Clube, no Rio

(Foto: Divulgação)

Tênis News
20/10/2017
14:36
Estocolmo (Suécia)

Revivendo a parceria campeã de 12 títulos da ATP, dentre eles dois Masters 1000 (Canadá 2013 e 2014), o mineiro Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya, formavam a dupla cabeça de chave quatro na disputa do ATP de Estocolmo, na Suécia.

A dupla do mineiro caiu de virada na semifinal diante dos principais favoritos, na parceria formada pelo austríaco Olivier Marach e o croata Mate Pavic. Em semifinal com 1h37 de duração, os favoritos fecharam o placar em 3/6 7/3 (3) 10/8 tendo convertido dois aces contra três da dupla do brasileiro, que venceu 72% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 74% de aproveitamento de Marach/Pavic.

A dupla do mineiro começou firme a partida, abriu 3/0 no placar com quebra no segundo set, teve outros três breakpoints no quarto game e administraram a vantagem.

No segundo set, a partida ficou mais acirrada, foi uma disputa equilibrada, com troca de quebras entre o quarto e quinto game e a disputa seguiu para o tiebreak. Ali, Soares e Peya abriram com mini-quebra, mas sofreram o revés.

No match-tiebrak a dupla do brasileiro abriu sofrendo a quebra, seguiu justa no placar, reverteu a situação conquistando duas quebras no décimo quarto e décimo quinto game, mas não mantiveram o saque nos dois pontos seguintes e acabaram derrotados.

Marach/Pavic aguarda definição de rival para a disputa do título