Serena Williams

Serena Williams em Wimbledon (Foto: AFP/ADRIAN DENNIS)

TÊNIS NEWS
07/07/2016
10:14
LONDRES (ING)

A americana Serena Williams, líder do ranking mundial, não deu chances para a russa Elena Vesnina, 50ª colocada, e atingiu a nona final de Wimbledon da carreira em apenas 49 minutos de duração. O jogo teve o placar de 6/2 e 6/0.

Williams é hexacampeã no All England Club e buscará o sétimo caneco no sábado. Ela espera a vencedora do jogo entre sua irmã mais velha, Venus Williams, pentacampeã em Londres, e Angelique Kerber, que derrotou Serena na final do Australian Open 2016. Se vencer, ela conquistará seu 22º título de Grand Slam e igualará a alemã Steffi Graf como maior campeã dos quatro maiores torneios do tênis mundial, algo que tenta desde o US Open do ano passado.

O JOGO
Serena começou com tudo. No primeiro game, a americana pressionou com a esquerda em três pontos e Vesnina não aguentou. No terceiro, a dominação continuou; Vesnina até salvou dois break points, mas não resistiu, mais uma vez, aos potentes golpes da número um.

Na sequência, o set continuou na mesma tona. A 50ª da WTA lutou muito e conseguiu fazer dois games, mas Williams manteve-se extremamente agressiva e fez 6/2 em apenas 28 minutos.

A segunda parcial não viu nenhuma mudança no duelo. A postura da hexacampeã de Wimbledon continuou a mesma, e, para melhorar mais ainda sua situação, o afobamento de Vesnina surgiu e foi crescendo a cada game, transformando a partida, que já era altamente fácil, num monólogo redundante. Serena obteve três breaks em todos os games pares e terminou sua missão em menos de cinquenta minutos, garantindo vaga em outra final na grama sagrada.