icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
31/08/2015
21:50

Número 1 do mundo, Serena Williams  começou sua caminhada em busca de fechar o Grand Slam  (vencer todos os Majors do ano) sem nenhum problema e com um abandono melancólico da adversária na rodada noturna da quadra central do US Open.

A dona de 21 de títulos de Majors vencia por 6/0 2/0 em trinta minutos de partida, sete deles só em atendimento médico, diante da 86ª colocada, a russa Vitalia Diatchenko.

Diatchenko entrou no jogo machucada, com problemas no tornozelo que havia sido operado meses atrás. Ela não conseguia pular para o saque e sua movimentação era deficiente desde o começo. A americana aproveitou e passeou, abriu 5/0 em 12 minutos, viu a rival pedir atendimento para colocar uma bota para proteger o pé. No retorno jogou mais alguns games, chamou novamente a fisioterapeuta e abandonou o encontro.

A vitória foi a 49ª em 51 partidas de Serena no ano onde só perdeu para Petra Kvitova no WTA Premiere de Madri, na Espanha, e para a suíça Belinda Bencic no WTA de toronto, no Canadá. Sua próxima rival será a qualifier holandesa Kiki Bertens, 110ª colocada, que passou pela croata Mirjana Lucic por 3/6 6/4 6/2.

Número 1 do mundo, Serena Williams  começou sua caminhada em busca de fechar o Grand Slam  (vencer todos os Majors do ano) sem nenhum problema e com um abandono melancólico da adversária na rodada noturna da quadra central do US Open.

A dona de 21 de títulos de Majors vencia por 6/0 2/0 em trinta minutos de partida, sete deles só em atendimento médico, diante da 86ª colocada, a russa Vitalia Diatchenko.

Diatchenko entrou no jogo machucada, com problemas no tornozelo que havia sido operado meses atrás. Ela não conseguia pular para o saque e sua movimentação era deficiente desde o começo. A americana aproveitou e passeou, abriu 5/0 em 12 minutos, viu a rival pedir atendimento para colocar uma bota para proteger o pé. No retorno jogou mais alguns games, chamou novamente a fisioterapeuta e abandonou o encontro.

A vitória foi a 49ª em 51 partidas de Serena no ano onde só perdeu para Petra Kvitova no WTA Premiere de Madri, na Espanha, e para a suíça Belinda Bencic no WTA de toronto, no Canadá. Sua próxima rival será a qualifier holandesa Kiki Bertens, 110ª colocada, que passou pela croata Mirjana Lucic por 3/6 6/4 6/2.