TÊNIS NEWS
11/01/2017
11:58
Londres, Reino Unido

Um dia após o TIU, Tennis Integrity Union, anunciar punição de sete anos para Nick Lindahl e dois outros jogadores, o órgão que regula a corrupção no tênis baniu do esporte o tenista romeno Alexandru-Daniel Carpen por manipulação de resultados.

A investigação realizada em outubro de 2013 indicou que o jogador se aproximou de outro procurando manipular o resultado de uma partida oferecendo dinheiro em troca.

Jane Mulcahy, membro do painel independente de audiencias, considerou o caso de punir o atleta por toda a vida. O jogador está proibido de fazer presença física em qualquer tipo de torneio de tênis de todas as instituições por um período de quatro anos começando em 29 de setembro de 2015, data que o jogador começou sua suspensão voluntária.

O tenista de 30 anos alcançou o melhor ranking de 1088 em novembro de 2007 e 274 nas duplas em 2015.