Rogerinho

(Foto: Vipcomm)

Tênis News
15/07/2016
19:36
Belo Horizonte (MG)

Jovem equatoriano frustra torcida em Belo Horizonte e de virada bate Rogerio Dutra Silva, o Rogerinho, no primeiro encontro do confronto entre Brasil e Equador pela final do Grupo I Americas da Copa Davis, que vale vaga nos playoffs do Grupo Mundial, a disputar em setembro.

O número um de simples do Equador e 317º do mundo, Emilio Gomez, filho do campeão de Roland Garros 1990, Andres Gomez, de apenas 24 anos, precisou de 2h41 para fechar o placar diante de Rogerinho em 4/6 7/5 6/0 6/4 tendo convertido seis aces contra sete do brasileiro que venceu um total de 106 pontos em todo o jogo contra 126 do equatoriano.

O segundo ponto do confronto será disputado entre o número um do Brasil, Thomaz Bellucci e o número dois do Equador Roberto Quiroz.

O jogo

A partida começou com o brasileiro aproveitando o piso rápido e forçando saque e devoluções. Já no segundo game, Gomez precisou salvar dois breakpoints e não sustentou seu saque no quarto game sendo quebrado. Rogerinho abriu 4/1 no placar, mas não conseguiu sustentar a vantagem e foi quebrado no sétimo game e viu o equatoriano igualar em 4/4 no placar. Mesmo assim, apoiado pela torcida, Rogerinho pressionou e conquistou a quebra em erro do rival no décimo game.

O segundo set seguiu o ritmo dos games anteriores, ao fim da primeira etapa, sendo muitos disputados. Sem a mesma agressividade no saque, Rogerinho conquistou a quebra de saque sexto game e na sequência acabou quebrado. Gomez seguiu forçando na devolução, quebrou o saque do brasileiro no décimo primeiro game e com dificuldades fechou o placar da segunda etapa.

No terceiro set um apagão do brasileiro, que cometeu muito erros, trabalhou com segundo serviço e acabou levando o pneu.

No quarto set, Rogerinho voltou motivado pela torcida e companheiros, tentou pressionar o saque do adversário, chegou a seguir no ponto após perder o tênis no meio da disputa, mas foi quebrado no quinto game e viu o rival administrar o placar.