Maria Sharapova durante jogo contra Cibulkova (Foto: Paul Crock/AFP)

Maria Sharapova ainda não tem lugar garantido nos Jogos Olimpícos (Foto: Paul Crock/AFP)

TÊNIS NEWS
04/02/2016
14:03
MOSCOU (RUS)

A russa Maria Sharapova ainda não sabe se virá ao Rio, em agosto, para os Jogos Olímpicos 2016. Apesar de ter se juntado à equipe russa da Fed Cup para não ficar fora das Olimpíadas, após ser ameaçada, mais um obstáculo surgiu no caminho da musa.

O Presidente da Federação Russa de Tênis, Shamil Tarpischev, que já foi capitão do time na Fed Cup, declarou que, de sua parte, “não é um entusiasta da inscrição de uma jogadora que não se sabe se poderá entrar em quadra, caso seja necessário”.

Qualquer tenista que queira participar dos Jogos Olímpicos precisa jogar pelo menos três confrontos eliminatórios de Copa Davis [no caso dos homens] ou Fed Cup [quando se refere às mulheres] no ciclo olímpico vigente. A 6ª do ranking da WTA não cumpre este pré requisito, de forma que, caso a Rússia seja eliminada pela Holanda, neste fim de semana, ela não teria condições legais de jogar no Rio.

A norma estabelece que a tenista não precisa jogar, mas, pelo menos, estar inscrita pelo confronto. Maria viajou à Moscou para treinar com o time, mas a capitã, a ex campeã de Roland Garros Anastasia Myskina, declarou que sua inscrição não está garantida, por causa dos problemas físicos. Já em Moscou, a própria Sharapova afirmou que a tendência é não jogar [no entanto, ela espera ser inscrita].

Caso ela realmente não seja inscrita, sua participação nos Jogos Rio 2016 depende de uma vitória russa nesta primeira fase de Fed Cup. Então, a semifinalista do Australian Open 2016 teria que jogar o confronto de 16 de abril, contra o vencedor de França e Itália.

A equipe russa tem, além de Sharapova, Svetlana Kuznetsova, Ekaterina Makarova e Daria Kasatkina. Elas enfrentam as azarões holandesas Kiki Bertens, Richel Hogenkamp, Cindy Burguer e Arantxa Rus. O confronto será no Estádio Olímpico de Moscou.

Vale lembrar que Sharapova foi a porta bandeira da delegação russa nas Olimpíadas 2012, em Londres. Ela chegou à final, mas foi facilmente derrotada por Serena Williams, com parciais de 6x0 e 6x1.