Maria Sharapova

Maria Sharapova coletiva antidoping

TÊNIS NEWS
08/03/2016
10:31
Los Angeles (EUA)

Parece mesmo que as consequências por doping de Meldonium não ficarão apenas na esfera judiciária-desportiva para Maria Sharapova. Em um intervalo de 16 horas a russa perdeu três patrocinadores, incluindo seus dois principais 'financiadores.

Após a gigante das roupas e artigos esportivos Nike, anunciar na noite desta segunda-feira que estava 'rompendo temporariamente' o contrato milionário com a russa, a marca suíça de relógios Tag Heuer anunciou através de um comunicado à imprensa que suspenderá o processo de renovação de contrato com a tenista.

Sharapova e Tag Heuer tinham contrato até dezembro de 2015 e estavam negociando uma renovação deste. "Em razão da atual situação, a marca suíça de relógios suspendeu as negociações e decidiu não renovar o contrato com a Senhorita Sharapova", diz o comunicado da Tag Heuer.

A ex-número um do mundo e a marca suíça têm relação antiga, a marca foi a primeira fora do esporte a assinar com a russa um contrato de logo período. Em dezembro de 2004 foi assinado o primeiro de parceria entre a russa e os suíços válido por três anos. À época, Sharapova já faturava anualmente 500 mil libras estrelinas, algo por volta de R$ 2 milhões.

Poucos minutos depois, ainda pela manhã no horário europeu, a gigante alemã do setor de carros de luxo Porsche anunciou que também está se afastando da musa russa. "(A Porsche) escolheu suspender as atividades planejadas (ações de marketing e propagandas com Sharapova) até que mais detalhes sejam divulgados para podermos analisara situação".

De acordo com levantamento da revista norte-americana Forbes, Sharapova seguia sendo a 'galinha dos ovos de ouro' no marketing esportivo tendo faturado algo entorno de US$ 29,5 milhões apenas em contrato publicitários.