Nadal

(Foto: AFP / VALERY HACHE)

TÊNIS NEWS
16/04/2016
11:24
Monte Carlo

Em um grande jogo de tênis e com uma recuperação sensacional, Rafael Nadal, quinto do mundo, conseguiu a virada sobre Andy Murray, segundo colocado, para garantir vaga na decisão do Masters 1000 de Monte Carlo, evento no saibro.

O espanhol marcou 2/6 6/4 6/2 após 2h43min de duração. Esta foi a terceira vez que eles se enfrentaram no principado, todas em semis e com vitórias do espanhol (2009, 2011 e agora). Foi o 23º jogo entre eles e 17ª vitória do natural de Manacor.

Rafa vai disputar neste domingo, às 9h30, sua 100ª final na carreira e jogará pelo 68º título. Ele busca seu nono título em Mônaco nesta que será sua 10ª final. Foi campeão de 2005 até 2012 com vice-campeonato em 2013.

Seu rival da final será um francês, ou Jo Tsonga, nono, ou Gael Monfils, 16º.

O jogo

Na primeira etapa alguns erros capitais de Nadal em momentos chave e o backhand de Murray fizeram a diferença. O escocês quebrou com firme devolução e erro do espanhol, salvou break e abriu 5/2. Fechou com nova quebra com forehand na rede de Rafa marcando 6/2 em 49 minutos.

Na segunda etapa Rafa foi mais consistente saiu dos 5 pra 16 winners sendo agressivo. Abriu quebra com 2/1, levou a virada, mas tornou a quebrar no 4/3 após longo game confirmando após levantar um suado 15/40. No 5/3 o melhor game da partida com várias igualdades, drama ep ontos espetaculares, winners, defesas, lobs, até bicicleta (bola de costas sem ser por baixo das pernas) até Andy confirmar, mas Nadal foi firme no serviço e fechou sem sustos por 6/4.

Na terceira etapa o espanhol saiu quebrando e passou a tomar conta do jogo com bolas profundas, muita intensidade e poucos erros. Murray então passou a cometer erros, arriscar mais, reclamou com o juiz, tomou advertência. Nadal abriu 5/1 e fechou por 6/2 em game de onze minutos no quinto match-points e após salvar dois breaks de Murray com um pouco de sorte em um deles e bola angulada na linha e smash. Nadal deu um salto vibrando com o triunfo.