Nadal

(Foto: AFP / VALERY HACHE)

Tênis News
23/04/2016
15:40
Barcelona (Espanha)

Após superar o alemão Philipp Kohlschreiber na semifinal do ATP 500 de Barcelona, na Espanha, o espanhol Rafael Nadal conversou com a imprensa falou das dificuldades da semi, das críticas recebidas mundo afora e da final contra Kei Nishikori.

- Dos últimos seis jogos que disputei, esse foi o que menos tive ritmo. Errei mais o backhand, não me senti igualmente cômodo como nos dias anteriores. Parece que havia um pouco de vento em quadra. ão foi o melhor jogo, mas sustentei bem e estou muito feliz em estar em uma nova final. Amanhã sei que tenho que fazer um bom jogo se quero ter chances - declarou Nadal ainda em quadra.

Na coletiva de imprensa, Nadal foi confrontado a respeito dos muitos especialistas de tênis em todo o mundo que diziam que ele tinha que se aposentar. O espanhol respondeu:

- Não tenho nada o que dizer. Cada um é livre para opinar e formar sua opinião, não tenho nenhum problema e nunca tive. Sempre, desde que seja com respeito, como fiz com todo mundo. Todas as opiniões que foram escritas eu respeito e as aceito, vivemos em um mundo em que tudo vale e não tenho problema algum - pontuou Rafa.

Sobre seu adversário na final, o japonês Kei Nishikori o tenista de Manacor declarou:

- Nishikori está jogando muito bem. Ganhei dele nas quartas de final em Indian Wells mas vem de final em Miami e aqui, de qualquer modo, não perdeu sequer um set. Além disso, é um dos melhores jogadores do mundo, tem um estilo muito complicado porque joga muito rápido, tenta te tirar do ponto o tempo todo e bate muito forte na bola. Se não jogar pontos longos e de maneira contundente, impedindo que ele me tire parte da quadra, vai ser muito difícil fazer frente a ele - resumiu.