HOME - Rafael Nadal vence na estreia no Rio Open (Foto: Marcelo Cortes/Fotoarena/LANCE!Press)

Rafael Nadal venceu mais uma no Rio Open 2016 (Foto: Marcelo Cortes/Fotoarena/LANCE!Press)

TÊNIS NEWS
18/02/2016
20:48
RIO DE JANEIRO

O espanhol Rafael Nadal, 5º da ATP, venceu o compatriota Nicolas Almagro, 52º, pelas oitavas de final do Rio Open. Na noite desta quinta, ele marcou 6/3 e 6/4 e está nas quartas de final do ATP 500 carioca.

A partida durou 1h40min. Almagro que vinha em ótima fase após o vice campeonato no ATP 250 de Buenos Aires, no domingo passado, quando perdeu para Dominic Thiem – que, na semifinal, bateu Nadal -, não repetiu as boas atuações, e atuou de forma fraca, errando dezenas de bolas. O ex número um não foi tão melhor e fez um jogo ruim, mas soube ficar mais nos pontos e saiu com a vitória.

O primeiro game do jogo foi duro. Almagro entrou solto, conseguiu winners de esquerda e direita e ainda contou com duas duplas faltas de Nadal para ter dois break points. Em um deles, o 52º da ATP jogou muito bem e mexeu bastante o ex número um, mas Rafa conseguiu retomar o controle do ponto e salvar a chance. Em uma subida à rede, ele confirmou o suado game de saque. Seguiram-se dois games fáceis de saque, e Almagro começou a errar muito, então. No quarto game, sacando em 1/2, Nico fez um game desastroso, em que cometeu três erros não forçados e perdeu facilmente o serviço. Com a quebra, Nadal jogou mais solto, e rapidamente marcou 5/2 no placar. Sacando em 5/3, no entanto, ele se complicou, errou três bolas e Almagro teve 0/40. Com uma linda curtinha de revés e dois erros de Nicolas, Nadal conseguiu sair do buraco. Em seguida, mais uma curtinha perfeita e outra devolução errada de Almagro selaram o set: 6/3, em 43 minutos.

A segunda parcial começou com muitos erros: Almagro não era sombra do que foi em Buenos Aires e, descalibrado, jogava várias bolas longe da quadra; Rafa estava longe de um de seus melhores dias, também, e dava muitos presentes para Nico. Em meio a esta chuva de erros, os dois iam confirmando seus saques. No sétimo game, porém, quando o tenista de Múrcia sacava em 3/3, ele errou demais, cedeu a Nadal um 15/40 sem o Touro Miúra se esforçar. Em mais um erro, a quebra foi concretizada. Então, os dois tenistas perderam seus saques seguidamente. Nadal entregou, com muitos erros, os games do 4/3 e 5/4, quando sacou para partida e desperdiçou a chance. Almagro mantinha a tônica de sempre e conseguia ser pior.

Neste show de erros, Nadal quebrou o saque de Almagro no 5/5, em bola bastante duvidosa, o que enlouqueceu Nico, já famoso por não ter a melhor cabeça do circuito. Louco de raiva, ele continuou errando e Nadal somente tentou manter as bolas na quadra, fechando em 7/5 e 2x0

Na sequência do torneio, Nadal enfrenta o ucraniano Alexandr Dolgopolov, 33º da ATP, que bateu o também espanhol Inigo Cervantes, por 2x1, nesta tarde. Nadal vence o confronto direto entre os dois por 5 jogos a 2, mas perdeu os últimos dois confrontos, em Indian Wells 2014, na quadra dura, e Queen’s 2015, na grama.

No confronto anterior às duas vitórias do ucraniano, Nadal venceu Alexandr na final da primeira edição do Rio Open, em 2014, por 6/3 e 7/6(3). Amanhã, os dois protagonizarão o tira-teima, e Nadal certamente quer repetir a dose de dois anos atrás.