Andy Murray

Andy Murray (Foto: AFP)

Tênis News
18/07/2016
17:08
Toronto (Canadá)

Após conquistar seu segundo título em Wimbledon, o escocês Andy Murray, está buscando descansar para recuperar seu físico e entrar firme na disputa pelo bicampeonato olímpico, no Rio de Janeiro, e por isto desistiu da disputa dos Masters do Canadá.

Tricampeão do Masters 1000 canadense, este ano realizado em Toronto, Murray argumento que dará um descanso necessário para seu corpo. As justificativas do tenista, que têm disputado o torneio anualmente desde 2006, foi enviada à imprensa por meio de comunicado.

"eu sempre fico empolgado em ir ao Canadá e esta é a primeira vez que perco o torneio, o pessoal lá faz um ótimo trabalho assistindo aos jogadores", considerou e prosseguiu: "Meu corpo precisa de alguma recuperação após alcançar fases finais nos torneios disputados no últino mÊs. Lamento por meus fãs em Toronto, mas espero voltar ao Canadá no próximo ano".

O diretor do torneio, Karl Hale, lamentou a ausência do vice-líder do ranking da ATP no mesmo comunicado: "Andy tem sido muito leal ao nosso torneio todos estes anos, mas certamente estamos desapontados que ele optou por não vir ao torneio este ano. Como um evento Masters 1000, somos um dos mais importantes torneios do calendário. Andy é um dos jogadores tops no mundo e favorito dos fãs. Sentiremos sua falta, mas lhe desejamos sucesso no resto da temporada", declarou.

Com a impossibilidade de somar pontos no Canadá,a ausência de Murray coloca Novak Djokovic praticamente certo como número um do mundo até o fim da temporada. Apenas resultados muito ruins do sérvio e outros excelentes do escocês para ameaçar sua liderança.