Roger Federer - hexa na Austrália

Foto: Divulgação Australian Open

TÊNIS NEWS
12/02/2018
09:22
Ponte Vedra Beach (EUA)

Depois de duas semanas o tênis brasileiro voltou a ter um top 100. Thiago Monteiro deu um salto após sua melhor campanha da carreira com a semifinal do ATP 250 de Quito, no Equador. O tenista da Tennis Route somou 90 pontos e subiu 22 posições ao 96º lugar.

Thiago, que bateu nomes como Gael Monfils e Horacio Zeballos e só perdeu para o 21º do mundo, o espanhol Albert Ramos, foi aos 575 pontos e reassumiu a condição de número 1 do Brasil.

O tenista porém tem duas semanas com 135 pontos a defender, 45 esta semana das quartas em Buenos Aires onde estreia contra o ex-top 10, Fernando Verdasco, e mais 90 das quartas do Rio Open. Para se manter no top 100 na próxima lista precisará no mínimo de uma vitória, talvez até duas dependendo do desempenho dos rivais.

Rogério Dutra Silva perdeu quatro posições com 531 pontos e caiu para o 105º lugar, mas passou o quali na Argentina e tem chances de subir.

A queda mais expressiva ficou por conta de Thomaz Bellucci que defendia a semi no Equador e caiu 29 postos ao 137º lugar com 431 pontos, 144 atrás de Monteiro. É seu pior ranking em quatro anos.