icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
21/08/2015
15:22

A parceria formada pelo mineiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig, segunda favorita ao título do Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, sofreu mas confirmou seu favoritismo contra a dupla do indiano Rohan Bopanna e do romeno Florin Mergea, cabeças de chave cinco.

Em um jogo muito disputado, Melo/Dodig precisou 1h03 para fechar o placar em 6/1 1/6 14/12 tendo convertido cinco aces contraseis de Bopanna/Mergea, que cometeu quatro duplas-faltas contra oito da parceria do brasileiro, que venceu 80% dos pontos disputados em seu primeiro serviço contra 69% dos rivais.

Em um jogo onde cada parceria dominou um set com muita autoridade, a decisão foi para o match-tiebreak, onde Melo/Dodig abriu 4/1 no placar com mini-quebra, mas em dupla-falta deixou Bopanna/Mergea virar para 5/4 e passou a confirmar seus saques cada dupla. Com 13/12 no placar, a parceria do brasileiro voltou a conquistar a mini-quebra e fechou a partida.

Garantidos na sexta semifinal da parceria na temporada 2015, Melo/Dodig faz sua terceira semifinal em torneio nível Masters 1000. Anteriormente, a dupla do brasileiro parou nas semis de Indian Wells e Monte Carlo para os italianos Fabio Fognini e Simone Bolelli.

Na semifinal em Cincinnati, Melo/Dodig encara a dupla do polonês Marcon Matkowski e do sérvio Nenad Zimonjic.



A parceria formada pelo mineiro Marcelo Melo e o croata Ivan Dodig, segunda favorita ao título do Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos, sofreu mas confirmou seu favoritismo contra a dupla do indiano Rohan Bopanna e do romeno Florin Mergea, cabeças de chave cinco.

Em um jogo muito disputado, Melo/Dodig precisou 1h03 para fechar o placar em 6/1 1/6 14/12 tendo convertido cinco aces contraseis de Bopanna/Mergea, que cometeu quatro duplas-faltas contra oito da parceria do brasileiro, que venceu 80% dos pontos disputados em seu primeiro serviço contra 69% dos rivais.

Em um jogo onde cada parceria dominou um set com muita autoridade, a decisão foi para o match-tiebreak, onde Melo/Dodig abriu 4/1 no placar com mini-quebra, mas em dupla-falta deixou Bopanna/Mergea virar para 5/4 e passou a confirmar seus saques cada dupla. Com 13/12 no placar, a parceria do brasileiro voltou a conquistar a mini-quebra e fechou a partida.

Garantidos na sexta semifinal da parceria na temporada 2015, Melo/Dodig faz sua terceira semifinal em torneio nível Masters 1000. Anteriormente, a dupla do brasileiro parou nas semis de Indian Wells e Monte Carlo para os italianos Fabio Fognini e Simone Bolelli.

Na semifinal em Cincinnati, Melo/Dodig encara a dupla do polonês Marcon Matkowski e do sérvio Nenad Zimonjic.