Marcelo Melo

Marcelo Melo caiu em Roterdã junto a Ivan Dodig (Foto: Tom Dib/Lancepress)

TÊNIS NEWS
11/02/2016
16:07
ROTERDÃ (HOL)

A primeira parcial foi muito boa para a dupla do brasileiro. Apesar de ter acertado apenas 52% dos primeiros saques, ele e Dodig venceram 92% dos pontos no primeiro saque, salvaram as quatro chances de quebra que os adversários tiveram e aproveitaram duas das quatro oportunidades cedidas por Kontinen e Peers, fechando em 6/3.

No segundo set, eles conseguiram a quebra cedo, mas perderam o saque no nono game, sacando em 5/3, para vencer o jogo. A etapa acabou indo para o tiebreak. Nele, quando Melo/Dodig sacavam em 1/2, perderam os dois saques e a decisão desandou: eles perderam por 7/2 e o jogo iria para o super tiebreak, em que a dupla a fazer dez pontos primeiramente é a vencedora.

No tiebreak longo, as duplas mantiveram os saques até Dodig servir em 2/3, quando o finlandês e o australiano conseguiram uma miniquebra. Mantiveram-se os saques, novamente, até 6/8, quando os oponentes conseguiram mais um minibreak. Com três match points, ficou difícil para o brasileiro. Ele e Dodig até salvaram o primeiro match point, no saque do finlandês, mas na segunda chance foi fatal. O número um do mundo está fora do ATP 500 de Roterdã, e, agora, vem ao Rio de Janeiro, onde, a partir de segunda feira, disputa o maior torneio de tênis da América do Sul, o Rio Open. O número um ainda não tem parceiro definido para a competição.