Nick Kyrgios - Torneio de Wimbledon (Foto: Carl Court/ AFP)

Nick Kyrgios - Torneio de Wimbledon (Foto: Carl Court/ AFP)

Tênis News
17/10/2016
12:39
Melbourne (Austrália)

Número 14 do mundo, Nick Kyrgios não demorou muito para enviar um comunicado sobre sua suspensão que vai durar pelo menos até o fim de temporada podendo ir até antes do Australian Open imposta pela Associação dos Tenistas Profissionais.

Ele tomou oito semanas até o dia 15 de janeiro, mas poderá ter reduzida a sanção caso participe de um programa de reciclagem com psicólogo indicado pela entidade.

Em Xangai, na China, na semana passada, o tenista deliberadamente entregou sua partida contra o alemão Mischa Zverev e ainda discutiu com torcedores e debochou dos mesmos em coletiva de imprensa. Nesta segunda após ser punido ele justificou.

"Depois da decisão da ATP de hoje gostaria de aproveitara oportunidade e me desculpar de novo pelas circunstâncias de Xangai. A temporada foi longa e lutei contra diferentes lesões e tive outros desafios durante o fim do verão", disse o tenista que vinha de título em Tóquio antes do vexame em Xangai.

"A gira asiática foi especialmente dura depois da semana do triunfo em Tóquio. Com a viagem através de todo continente meu corpo, tanto física quanto mentalmente, deu um basta em Xangai. Isso não é uma desculpa e sei muito bem que tenho que pedir desculpas aos torcedores de Xangai e de outras partes do mundo assim como a organização do torneio da China que fez um trabalho incrível".

"Sem dúvida sei o importante que são os torcedores do nosso esporte e pessoalmente me encanta a interação com os fãs das diferentes cidades de todo mundo onde chega o circuito de tênis. Sou uma pessoa de uma enorme quantidade de tempo pros fãs porque amo e dou valor ao apoio deles. A energia deles é o que me motiva para a melhor versão do meu tênis."

"Lamento que meu ano tenha terminado desta maneira e não terei chance de lutar por vaga no ATP World Finals. Este era um objetivo importante pra mim. Entendo e respeito a decisão da ATP e vou utilizar esse tempo livre para melhorar dentro e fora de quadra. Sinto de ve

El australiano se mostró triste por no poderdade e estou com muita vontade de voltar em 2017".