Angelique Kerber

Angelique Kerber. Crédito: André Valle

Tênis News
05/07/2016
12:06
Londres (Inglaterra)

A campeã do Australian Open, a alemã Angelique Kerber, quarta do ranking mundial, superou a quinta do ranking, a romena Simona Halep, pelas quartas de final em Wimbledon e garantiu-se pela segunda vez na carreira na semifinal do mais tradicional torneio de tênis do mundo.

A alemã precisou de 1h30 para fechar a partida contra Halep em 7/5 7/6 (2) tendo convertido dois aces contra um da romena,a que cometeu 21 erros não-forçados a exemplo da alemã, que disparou 23 bolas vencedoras contra 18 de Halep.

A alemã começou a partida forçando o saque e buscando movimentar a romena, confirmou seu game e começou uma epopeia, após abrir 2/0 com quebra, de quebras em pontos bem disputados, aulas de boas defesas, belos ataques e bolas nas paralelas. A sucessão de oito quebras acabou no décimo game, onde Halep, após quebrar o saque da rival que sacava para o set, finalmente confirmou seu serviço pela primeira vez na partida e pressionou Kerber,que confirmou na sequência, arriscou as devoluções no décimo segundo game e fechou o set com quebra após dupla-falta da romena.

No segundo set, a tônica do jogo seguiu com belos pontos e muita luta. As duas tenistas confirmaram seus dois primeiros games de saque cada. A quebra veio para a alemã no sexto game, com Kerber abusando de bolas rápidas na paralela. A alegria da alemã durou pouco, Halep buscou movimentá-la e firme devolveu a quebra de saque na sequência. Kerber voltou a quebrar o saque de Halep com postura agressiva, mas sacando para a partida com 5/3 no placar cometeu erros e foi quebrada.

O jogo seguiu duro, com as duas tenistas agressivas e confirmando seus games e se encaminhou para o tiebreak. Ali, Kerber começou vendo Halep defender tudo na rede e abrir com mini-quebra, mas não se rendeu, foi agressiva com na devolução, abriu duas mini-quebras de vantagem e administrou.

Na grande semifinal Kerber encara a norte-americana Venus Williams, que superou a cazaque Yaroslava Shevdova pelo placar de 7/6 (5) 6/2. Kerber e Venus se enfrentaram cinco vezes no circuito profissional e alemã tem a vantagem em 3/2 tendo inclusive batido a ex-número um do mundo no duelo duelo entre elas disputada na grama dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012.

Esta é a quarta vez de Kerber em semifinal de Grand Slam, a segunda em Wimbledon, ele fez semifinal em 2012.

A alemã busca sua segunda final de Grand Slam na carreira e ainda pode se tornar a número um do mundo na próxima semana. Para isto, basta a ela ela que Serena Williams não alcance a final ou que supere a norte-americana na grande final.