Tênis - Djokovic e Murray

Novak Djokovic (Foto: AFP / PEDRO ARMESTRE)

TÊNIS NEWS
26/05/2016
11:34
PARIS (FRA)

O sérvio Novak Djokovic, número 1 do mundo, irritou-se, jogou para o gasto e está na terceira rodada de Roland Garros, o Grand Slam do saibro. Ele bateu o belga Steve Darcis, 161º, por 7/5, 6/3 e 6/4, em jogo disputado na quadra Suzanne-Lenglen.

Novak começou abrindo 2/0, mas perdeu a quebra quando sacava em 3/1. Depois de um set muito duro, ele conseguiu a quebra no 12º game, que teve várias igualdades, fechando em 7/5.

A segunda etapa foi a mais tranquila. Quebrando novamente no segundo game, Nole administrou a parcial, enquanto Darcis tinha dificuldades para confirmar seus serviços. Com um 6/3, o líder do ranking fazia 2x0.

O último set foi estranho. Mais impaciente do que no resto do jogo, Djokovic queria acabar logo com a partida. Porém, depois de quebrar Steve no primeiro game, perdeu o saque no 2/1 com quatro erros, incluindo um saque e voleio sem sentido em 0/40. ‘A pressa é inimiga da perfeição’.

Então, mesmo bastante irritado, Djoko foi obrigado a controlar suas emoções, a fim de vencer. No sétimo game, Darcis fez 30/0, mas Novak conseguiu três winners de direita e conseguiu a segunda e derradeira quebra.

Depois, sem dar maiores chances, Novak fechou em 6/4 e 3x0, carimbando passaporte à terceira rodada de Roland Garros.

Na próxima fase, ele enfrentará o britânico Aljaz Bedene, que despachou, em cinco sets, o espanhol Pablo Carreno Busta.